Voltar para a página principal do Portal da FAP
 

 
Procurar filme na FAP

Procurar profissionais na FAP

Procurar na web

Powered by Google

 

 

FILMES

Resultados da busca:

Foram encontrados 84 registros.
Mostrando de 1 a 10.

A Cor do Seu Destino (Rio de Janeiro-Brasil, 1986)

Paulo é um adolescente próximo a completar sua maioridade. Vive a vida com muita energia: estuda, namora Helena, tem sua turma de amigos, curte o rock e a praia. Mas é para a pintura e o desenho que mais canaliza sua vitalidade. Ele não pode ver uma superfície branca que começa a rabiscar imagens e formas nas mais diversas cores. Suas pinturas falam de seus sentimentos, desejos, ansiedades, e também de sua história. Nascido no Chile, filho de mãe brasileira, Laura e pai chileno, Victor, Paulo veio para o Brasil aos 6 anos de idade, após a morte do irmão mais velho, num incidente político no Chile. Após 12 anos no Brasil, seu passado, temporariamente esquecido, vem à tona ao saber que sua prima Patrícia, uma jovem de sua idade da qual não se lembra, fora presa numa manifestação de rua contra o regime chileno. Subitamente, se vê envolvido pelas notícias que que vêm do país que deixara para trás há tantos anos, um Chile conturbado onde as pessoas convivem com a violência e o terror. Revive intensamente em sonhos e visões, o último ano que vivera naquela terra tão distante, da qual só distingue cordilheiras e a neve, e uma casa, e a tragédia que o fez sair de lá. Cresce de forma sufocante as lembranças do irmão, cujo retrato desenha de várias formas, na tentativa de recuperá-lo, de torná-lo presente. Paulo descobre também que sua namorada Helena mantém um relacionamento com Marcos, professor de sua escola, o que o deixa ainda mais confuso. A chegada de Patrícia ao Brasil após ser libertada, para passar uns meses com os tios, enquanto a situação no Chile se esfria - na tentativa de Paulo de juntar em sua cabeça esses dois mundos tão díspares. Apesar de diferentes, os primos se entendem imediatamente e juntos planejam retornar ao Chile. Ele quer descobrir afinal, quem ele é, quais são suas raízes. Quer crescer e sente que para isso precisa se livrar de seus fantasmas e aceitar as perdas impostas pela vida. Seu plano é frustrado por seus pais, que se recusam a dar-lhe as passagens, preocupados com as conseqüências de sua volta. Paulo se sente só. Nem mesmo as pinturas lhe trazem conforto. Num momento de abandono, chega a destruí-las, tentando apagar as imagens do seu passado e do seu presente. Mas é justamente através do uso das cores, sua verdadeira linguagem e única arma que Paulo, num ato de coragem e desespero, conseguirá expressar todo o sentimento de revolta, podendo, mais livre, iniciar uma nova etapa em sua vida. A partir de então, seus fantasmas já não são mais fantasmas; são lembranças. Finalmente, ele sente que já pode seguir em frente.


A Herança das Idéias (São Paulo - Brasil, 1982)

Revisão da Revolução Constitucionalista de 1932, feito para exibição em TV no dia 9 de julho de 1982, data que marca o cinqüentenário da Revolução. Busca um entendimento histórico envolvente a partir da paixão que o movimento desperta naqueles que participaram dos acontecimentos. Além disso, o filme faz uma leitura histórica da revolução de 32, enfatizando a luta pela Constituição e, assim, contribuindo para o início da luta pela Constituinte brasileira.


Ação Entre Amigos (Baseado em História Original de Marçal Aquino) (São Paulo - Brasil, 1998)
################


Aleluia, Gretchen (Paraná - Brasil, 1976)
################


Alma Corsária (São Paulo Brasil, 1993)

Alma Corsária é a história da amizade entre dois poetas. O filme não se preocupa propriamente com a poesia, mas com os motivos que levam os dois amigos a escreverem um livro a quatro mãos Sentimento Ocidental. Abrangendo o final dos anos 50 até o início dos anos 80, reflete as mudanças sociais e políticas do país, através da formação cultural, das experiências pessoais e das musas que inspiraram Rivaldo Torres e Teodoro Xavier.


Pesquisa em Andamento.


Anahy de las Misiones (Rio Grande do Sul - Brasil, 1997)

A saga de uma mulher e seus filhos, contada por gaúchos do Brasil, Argentina e Uruguai. A lenda diz que Anahy de las Misiones errava pelos países da Bacia do Prata à época da Guerra Cisplatina (1825-1828), saqueando os mortos. Um dia, esperando pelo fim de um combate para o saque, ela prevê o massacre dos soldados brasileiros. O filme desloca no tempo a mítica heroína, transportando-a para a Revolução Farroupilha (1835-1845), no Rio Grande do Sul. Anahy e seus filhos recolhem despojos de guerra para negociá-los com os soldados. O objetivo é sobreviver: indiferente às paixões políticas, ela negocia com os dois lados, farrapos e caramurus. Anahy acredita que a tragédia da guerra não vai interferir na vida de sua família, até que acaba assistindo impotente à perda dos filhos Teobaldo e Leonardo. No entanto, apesar de todos os sofrimentos vividos, ela ainda terá algumas alegrias: o filho Solano se une afetivamente à agregada Picumã e a filha Luna espera um filho de um médico argentino. Anahy decide andar sempre para frente, sem saber que existe um obstáculo intransponível em sua trajetória.


Araguaya - a Conspiração do Silêncio (Brasília DF - Brasil, 2003)

O exército brasileiro no auge da ideologia da segurança nacional, um partido de esquerda dissidente, militantes aguerridos (a maioria deles ainda jovem e inexperientes), inocentes camponeses e uma região onde a ambição e a miséria disputavam lugar palmo a palmo. Esse é o cenário de Conspiração do Silêncio, longa-metragem de ficção baseado em extensa pesquisa empreendida pelo realizador e roteirista Ronaldo Duque sobre a Guerrilha do Araguaia, um dos episódios mais importantes de nossa história contemporânea. O filme é narrado a partir do personagem do Padre Chico, um religioso francês que chegou à região no início dos anos 60. A profunda identidade de Padre Chico com as pessoas da região associada ao seu sentimento religioso e dúvidas existenciais permitem abordar esse momento histórico com grande liberdade, evitando o risco de produzir uma "versão oficial".


Atlântico Negro - Na Rota dos Orixás (Brasília DF - Brasil, 1998)
################


Avante Camaradas (Rio de Janeiro-Brasil, 1986)

Composta nos anos 20 por Antonino Espírito Santo, maestro da banda de Angical no sertão da Bahia, a música revolucionária "Avante Camaradas", uma homenagem à Coluna Prestes, acabou indo parar no hinário das Forças Armadas Brasileiras. Acompanha a trajetória da Coluna e mostra a expectativa dos cidadãos de Angical que aguardam a passagem do Cavaleiro da Esperança na sua cidade.


Barra 68 ( (Distrito Federal- Brasil, 2000)

Em três diferentes momentos - mas sempre no bojo da ditadura - a UnB (Universidade de Brasília) foi agredida com a invasão de seu campus por tropas militares. Primeiro, em 1964, logo após o golpe de estado, com forte repercussão em todo o país, e desencadeando acontecimentos que levariam à célebre diáspora de 1965, com a demissão voluntária de mais de 200 professores (entre outros Oscar Niemeyer, Athos Bulcão, Alfredo Ceschiatti, Paulo Emílio Salles Gomes), em protesto pelas perseguições de que eram vítimas. Recupera materiais filmados clandestinamente pelo então estudante Hermano Penna e investiga as memórias dos personagens da época. A crise surda que se seguiu emerge incontrolável em 68, com a explosão do movimento estudantil em relação ao assassinato de Édson Luís, no Rio de Janeiro, e inspirado depois pelos acontecimentos de maio, na França. A presença do francês Jean-Pierre Léaud (favorito de Godard e Truffaut) em debate na universidade, com o cineasta Cacá Diegues e dezenas de estudantes, assustou a ditadura militar, uma vez que o ator havia participado meses antes, em maio de 1968, das barricadas que marcaram o movimento por reformas na área de educação na França. Repetidos choques com a polícia dentro e fora da universidade deixaram em Brasília, um trágico saldo à Comunidade: um estudante morto e outro gravemente ferido à bala. O interregno só aconteceu com a promulgação do AI-5 que fechou o Congresso e instalou um regime de força, então sem disfarces. Quase dez anos depois, no limiar da abertura Geisel, Brasília assistiu impotente a mais uma ocupação da UnB por tropas desta vez solicitadas pelo próprio reitor, um capitão de mar-e-guerra. A firme resistência de professores e alunos marcaria para sempre a história da instituição com significativa repercussão na vida da cidade. Essa trajetória é resgatada através da urdidura de depoimentos, casos e histórias mesclados às raras imagens e sons que ficaram e perfazem, de uma época, uma memória imperfeita, mas sempre verdadeira.


Próxima página Última página

Procurar por gênero
Ação
Animação
Animação/Documentário
Animação/Experimental
Aventura
Comédia
Comédia/Documental
Depoimento
Documentário
Documentário/Experimental
Documentario/Ficção
Documentário/Jornalístico
Documentário/Reportagem
Drama
Drama/policial
Fábula/Drama
Ficção
Ficção Científica
Ficção/Animação
Ficção/Comédia
Ficção/Drama
Histórico
Infantil
Policial
Romance
Suspense
Terror
 
Procurar por tema
A Educação e a Comunicação na Formação Cultural
A Justiça: As Leis e o Estado de Direito na Cidadania
A Migração e a Imigração - A Questão Político-Social e a Sobrevivência
A Natureza - A Ação do Homem e Seus Efeitos no Meio Ambiente
A Questão da Terra: Reforma Agrária, Invasões e Assentamentos
A Saúde: as Drogas e a Ciência - Leis e Responsabilidade Social
Arte
As Minorias e a Exclusão Social: o Idoso, o Índio, a Mulher, o Negro e os Portadores de Deficiências - Cinema Revela e Denuncia Trajetórias
Comportamento e Educação - Infância, Adolescência e Juventude: Visões e Versões da Sociedade e o Papel do Estado
Comportamento, Marginalidade e a Questão Psíquico-Social: Manicômio, Prisão e Prostituição
Economia, Trabalho, Sindicalismo e Luta de Classes na Hegemonia do Capital
Imprensa: Jornal, Rádio e Televisão - O Poder da Informação
Liberdade de Expressão: Religião e Intolerância
O Cinema, o Brasil e sua História: Colônia, Império e República - Que País é Este?
O Índio e sua saga: Da Colonização à Consciência Histórica da Cidadania
O Negro e a Escravidão: Suas Lutas e Conquistas
Peronalidades: Cinebiografia, Cultura, História e Memória
Política
Violência e Repressão: Contravenção, Delinqüência, Corrupção, Tráfico de Drogas e de Influências - As Leis e a Segurança na Ordem Pública